Karl Saks

KARL SAKS

“What was the word to describe the feeling, when something is so … that you want to …”
de Karl Saks | Materiais Diversos

“Durante anos, tenho assistido a documentários de prisioneiros, criminosos e filmagens de interrogatórios policiais na medida em que destruiu o meu bem-estar mental, na realidade e em sonhos. Então, num nível pessoal, tenho de canalizar essas informações para algo que possa ser resolvido. Passei muitas horas da minha vida naquele ambiente imaginário, apesar de apoiar obras de arte que não provêm de algum tipo de conceito auto terapêutico. Mas talvez aqui também venha a razão pela qual eu quero abrir esse assunto numa variedade maior de meios do que apenas através da minha própria presença e ações no palco.”

Karl Saks

BLOODY MIND ENTERING
de Karl Saks | Materiais Diversos

Karl Saks (Estónia), coreógrafo, bailarino e designer de som, está em residência artística, no Centro Cultural da Malaposta, entre 5 e 17 de fevereiro, no âmbito da rede europeia More Than This, da qual a Materiais Diversos faz parte.
No início da residência Karl Saks desenvolve o workshop Bloody Mind Entering dirigido a pessoas com alguma experiência em qualquer área artística. O workshop é dedicado ao movimento, desenvolvendo tanto aspetos técnicos quanto imaginativos. Ao longo do mesmo, para a criação de imagens individuais e coletivas, serão utilizados conteúdos audiovisuais, exemplos de textos da área da biossemiótica e uma sonoplastia desenhada para o workshop.

PÚBLICO-ALVO: pessoas que já tenham experiências em alguma área artística ou que alguma prática artística faça parte do seu trabalho
LOTAÇÃO MÁXIMA: 10 participantes
MONITOR: Karl Saks
PRODUÇÃO: Materiais Diversos no âmbito do projeto Europeu More Than This
APOIO: Centro Cultural Malaposta e Casa-Atelier Vieira da Silva

Karl Saks é coreógrafo freelancer, bailarino e designer de som da Estónia, Tartu. Formou-se na Academia de Cultura Viljandi da Universidade de Tartu, no Departamento de Artes Cénicas em 2009 e na Academia de Arte da Estónia, Departamento de Novos Media (MA) em 2017.
Criou três apresentações solo e colaborou como designer de som no contexto de arte de teatro, cinema e galeria, como dramaturgo, como artista, como assistente de diretores e como codiretor.
Faz parte do grupo musical Cubus Larvik, que, desde 2005, lançou 3 álbuns. Cubus Larvik situa-se entre música e performance.
Trabalha também como professor e leciona oficinas de dança, técnica de chão e improvisação na Estónia e em diferentes países.

A Materiais Diversos é uma associação cultural sem fins lucrativos, criada em 2003, com a missão de promover a investigação e a criação artísticas, assim como sensibilizar diferentes públicos para as artes performativas, em especial a dança. A Materiais Diversos é reconhecida, nacional e internacionalmente, pelo seu papel no apoio à criação e difusão de artistas, em particular do coreógrafo Tiago Guedes, cofundador da associação e seu primeiro diretor artístico. A parceria com a rede europeia More Than This, tem como um dos pressupostos propor que os artistas possam desenvolver um trabalho fora do seu contexto habitual (nomeadamente o seu país), entrando assim em contacto com outras realidades, fora das suas práticas habituais visando repensar os modos de hospitalidade, questionando a nossa capacidade de acolher os outros, e de ir em direção a eles.

RESIDÊNCIA

2020 | FEV 09 a 17

SEG a DOM – 14H30 às 23H00

BLACK BOX

Residência artística não aberta ao público

2020 | FEV 14

SEX – 18H30 às 19H30

ENSAIO ABERTO | ENTRADA LIVRE

PARTILHAR

OFICINA

FEV 05 e 06

QUA a QUI – 15H30 às 23H30

BLACK BOX

ENTRADA LIVRE

DURAÇÃO: 4 HORAS

M/16