Movement tellers

MOVEMENT TELLERS

com Romulus Neagu

Destinado a atores, bailarinos e vários outros curiosos do movimento, esta oficina pretende proporcionar aos participantes um olhar diferente sobre a dança e o corpo, estimulando a criatividade e a liberdade da expressão corporal, desenvolvendo a ligação física e mental na realização do movimento, encorajando a descoberta de um vocabulário coreográfico próprio. O corpo contemporâneo acompanha as transformações dos hábitos socioculturais, contribuindo para o desenvolvimento das diferentes linguagens performativas. A intenção corporal e a reação física das várias ações usuais, quotidianas, serão adaptadas e transportadas para o universo coreográfico, trabalhando a naturalidade da ação, o “rigor” da execução técnica e a expressividade artística. Os participantes serão estimulados para ser cada vez mais “intérpretes” e menos “executantes”, capazes de transformar cada movimento numa experiência única, combinando a agilidade técnica com a versatilidade performativa.

ROMULUS NEAGU é bailarino e coreógrafo, completou os seus estudos de dança em Bucareste, Roménia. Colaborou com a Ópera Nacional de Bucareste, Companhia Paulo Ribeiro, Teatro Nacional São João e também com vários artistas e estruturas artísticas independentes. Das suas criações coreográficas destaca “O Ensaio de um Eros Possível…“, realizado em parceria com Associação de Paralisia Cerebral de Viseu, “A Invisibilidade das Pequenas Perceções“, em coprodução com o Teatro Nacional São João e Teatro Viriato e Banco do Tempo, um dueto com o seu filho de 10 anos. É Artista Associado do Teatro Viriato, onde apresentou peças, como “A Partir do Romance do Adolescente Míope“, “Alibantes“, “Stretto“, o estudo vídeo coreográfico “Perpetuum…“ e “Unbounded“, entre outras. Colaborou com a Companhia Nacional de Bailado – Lisboa, criando o projeto Nados Vivos, integrou o programa europeu de mobilidade artística i-Portunus e foi artista residente nos Estúdios Victor Córdon|CNB – Lisboa. Recentemente apresentou o projeto vídeo coreográfico Specific Site – Specific Body, uma produção INTRUSO sobre o património arquitetónico da cidade de Viseu e CELAN projeto coreográfico e performativo em torno da obra poética do Paul Celan. É coordenador artístico da INTRUSO associação cultural, projeto de criação e intervenção artística, desenvolvendo desde 2000 uma atividade regular de formação na área da dança, criando vários projetos para grupos específicos, comunidades de imigrantes, portadores de deficiência e grupos escolares: People Like Us, trabalho coreográfico sobre a imigração em Portugal, Harmonia e Projeto 3008 com comunidades escolares da cidade de Viseu e o documentário “A Invisibilidade das Pequenas Perceções“, realizado por Miguel Clara Vasconcelos.

© Fotografia JOSÉ CRUZIO

OFICINA

2O22 | MAR 23

QUA – 19HOO às 2OH3O

2O€ [PREÇO ÚNICO]

Duração: 1H3O
Público-alvo: M/16
Lotação máxima: 2O participantes
Monitora: Romulus Neagu

Inscrições até 21 de março

PARTILHAR