Lisbon Poetry Orchestra

LISBON POETRY ORCHESTRA | POETAS PORTUGUESES DE AGORA

CICLO DA VOZ

A matéria prima é a poesia. A Lisbon Poetry Orchestra é um coletivo multidisciplinar formado por um núcleo de quatro músicos a que se juntaram quatro vozes e que convidam outros artistas para celebrar e interpretar a poesia numa viagem verdadeiramente única à descoberta e reinvenção da palavra dita. No seu ainda curto percurso, já realizou mais de três dezenas de espetáculos, na sua maioria em auditórios, nalguns dos mais importantes festivais literários e um pouco por todo o país. Destacamos os realizados no CCB, no Palácio de Belém com a Orquestra Académica da Universidade de Lisboa e no Teatro São Luiz com a Banda Sinfónica da PSP. Os espetáculos pela sua vertente pop, mas também pela sua força e carga poética, provocam uma enorme empatia com o público, resultando numa performance poético-musical de grande qualidade. No dia 21 de março de 2018, assinalando o Dia Mundial da Poesia, a editora Abysmo edita o trabalho mais ambicioso deste grupo — “Poetas Portugueses de Agora”. Este é constituído por diversos suportes: um livro, em formato sketch book, com poemas de uma nova geração de autores e ilustrações de Daniel Moreira e dois Cd’s, um com 15 poemas declamados e outro, “Música Para Sessões Privadas de Poesia”, com 15 temas para o leitor poder declamar sobre o fundo musical. Este trabalho partiu de um processo criativo em que os poetas e escritores escolhidos pelo grupo foram convidados a escrever sobre peças musicais compostas pela Lisbon Poetry Orchestra. O resultado aí está, 15 poemas musicados permitem ao ouvinte/leitor uma visão muito particular do universo poético destes autores. Em complemento há o desafio da interação com o público, através do CD instrumental Música para Sessões Privadas de Poesia, onde este é convidado a interpretar os poemas ou a escrever novos poemas para estas músicas, ou ainda intervir graficamente no livro com desenhos, colagens ou poemas, enviar o resultado destas experiências para o grupo e poder eventualmente fazer parte da comunidade de colaboradores no projeto.

Textos CLÁUDIA R. SAMPAIO, DANIEL JONAS, FILIPA LEAL, PAULO JOSÉ MIRANDA e VALÉRIO ROMÃO
Baixo elétrico ALEXANDRE CORTEZ
Teclados FILIPE VALENTIM
Bateria MÁRIO SANTOS
Guitarra elétrica SÉRGIO COSTA 
Guitarra acústica, saxofone, clarinete LUÍS BASTOS 
Declamadores PAULA CORTES, ANDRÉ GAGO, NUNO MIGUEL GUEDES, MIGUEL BORGES
Som MANUEL SAN PAYO
Produção executiva NUNO SAMPAIO, PAULO SANTIAGO 

Alexandre Cortez. Músico, produtor e formador nas áreas de produção musical e de eventos. Fundou alguns dos projetos seminais da nova música portuguesa: Rádio Macau, Wordsong e Palma’s Gang. Gravou com músicos como Nuno Rebelo e Vítor Rua, Jorge Palma, Sérgio Godinho, Chris Cutler, Rui Reininho, entre outros.

Filipe Valentim. Pianista e membro fundador do grupo Rádio Macau e do projeto de spoken word, Wordsong. Estudou piano na Academia de Amadores de Música. Trabalhou ainda com diversos músicos e grupos como Jorge Palma, Vivianne e Nuno Rebelo entre outros.

José Anjos. Poeta, declamador e ex-advogado. Tem dois livros publicados pela editora Abysmo, (“Manual de Instruções para Sobreviver” e “Somos Contemporâneos do Impossível”). No meio da performance poética é-lhereconhecido o timbre único e o talento para a declamação. Participa regularmente em projetos de poesia como Lisbon Poetry Orchestra, Fabricantes de Pegadas, No Precipício era o Verbo ou Belos Recatados e do Bar. Integra a banda Não Simão.

André Gago. Estreou-se como ator em 1984. Criou o Teatro Instável em 2004. Estagiou com Ferrucio Soleri, no Piccolo Teatro di Milano. Ensina Técnica da Máscara e realiza diversas exposições pelo país com a sua coleção. Adaptou Jorge de Sena e Aquilino Ribeiro para o palco, e traduziu e encenou “A Orquestra”, de Jean Anouihl, e “Hamlet”, de William Shakespeare, entre muitas outras adaptações. No S. Luiz, em 2013, adaptou e encenou “Os 3 Últimos Dias de Fernando Pessoa”, de António Tabucchi. Com o conto “O Circo da Lua”, recebeu o prémio Revelação da Associação Portuguesa de Escritores. Criou o espetáculo de Novo Circo “Lua!”. Em 2010 publica “Rio Homem”, finalista do prémio Leya e Prémio PEN Clube Portugal para Primeiro Romance. Colaborou no romance coletivo “A Misteriosa Mulher da Ópera”. Integra quatro formações musicais com espetáculos de poesia: Beat Hotel, A Flor do Lácio, Lisbon Poetry Orchestra e o projeto No Precipício Era o Verbo. Tem uma vasta experiência como ator em televisão. Atuou de forma mais pontual, no cinema, destacando-se “Solo de Violino”, de Monique Rutler, e “100 Eyes”, de Thijs Bayens.

CRUZAMENTOS [MÚSICA.PALAVRA]

2O21 | JUL 18

DOM – 18H00

AUDITÓRIO

12,5€ | DESCONTOS APLICÁVEIS | 38€ [ASSINATURA CICLO DA VOZ]

70 MINUTOS 

M/6

A Assinatura “Ciclo da Voz” inclui bilhetes para os espetáculos:
– Da voz humana
– A Voz, a vós
– Os Poetas
– Lisbon Poetry Orchestra

A reserva e compra desta assinatura deve ser feita diretamente com a Malaposta através dos seguintes contactos: ccmalaposta@gmail.com ou 212478240.

PARTILHAR