Portugal, um dia de cada vez [Ciclo Trás-Os-Montes]

Portugal, um dia de cada vez [Ciclo Trás-Os-Montes]

de João Canijo

Uma viagem que começa no extremo Norte de Portugal e que, por terras de Trás-os-Montes e do Alto Douro, visita uma dúzia de aldeias e lugares.
As casas, os cafés, as ruas, e as pessoas que ainda as habitam.
É o retrato do dia a dia de algumas dessas pessoas, cada vez menos, cada vez mais idosas. E sós.
Gente que leva a sua vida, um dia de cada vez.

«Tudo se passa numa terra interior de onde as pessoas fugiram e onde os restos do sonho de desenvolvimento se tornaram sinais do absurdo. “É a vida e a vida é triste”, dizem com resignação os sobreviventes do Portugal interior. Sobrevivem na condição de viver um dia de cada vez, resignados à fatalidade do destino e a recordar um passado que podia ter sido melhor. A desilusão com o destino é enganada com a culpa da traição dos governantes e com a paixão pelos enredos da televisão. No vazio das horas iguais a tantas outras a existência passa e a vida gasta-se a tentar escapar ao desespero. É um filme de retratos de um país triste que fala de uma particular forma de esperança, a que sonha só com a felicidade de se cumprir a vida. Vivemos um dia de cada vez.»

João Canijo e Anabela Moreira

 

Um filme de JOÃO CANIJO
Realização JOÃO CANIJO, ANABELA MOREIRA  
Montagem JOÃO BRAZ
Direcção de Produção SOFIA TONICHER
Imagem ANABELA MOREIRA
Assistentes de Realização RUI MACEDO, PEDRO MOURA SIMÃO
Edição de Som HUGO LEITÃO
Apoio Financeiro ICA – INSTITUTO DO CINEMA E DO AUDIOVISUAL, RTP – RÁDIO E TELEVISÃO DE PORTUGAL
Patrocínio FUNDAÇÃO CALOUSTE GULBENKIAN
Produtor PEDRO BORGES
Produção MIDAS FILMES

CINEMA

OUT 17

SÁB – 21H00

SALA DE CINEMA

3€ [PREÇO ÚNICO]

PORTUGAL | 2015 | COR

155 MINUTOS

M/12

PARTILHAR